Carlos Marun avalia ter os votos necessários ao longo dos próximos dias

Futuro ministro da Secretaria de Governo da Presidência – a posse deve ocorrer na quinta-feira (14) – o deputado Carlos Marun (PMDB-MS) quer votar a Reforma da Previdência até a próxima segunda-feira (18).

"Confio que até o dia 18, teremos, sim, os votos necessários para que seja colocado em votação e para que venhamos a colher uma bela vitória", ele disse de Buenos Aires ao jornal O Globo, onde participa da XI Conferência Ministerial da Organização Mundial do Comércio (OMC).

"Vamos iniciar as discussões por decisão do presidente (da Câmara) Rodrigo Maia (DEM-RJ), que é quem pauta, na quinta-feira. Eu penso que essa discussão também vai ser reveladora, porque ali também vão ter que ser colocados argumentos. No momento em que a discussão se estabelecesse, é necessário que argumentos sejam colocados na mesa. Em termos de razões, as nossas são infinitamente melhores que as da oposição", emendou.