Agentes da Guarda Municipal do Natal (GMN) capturaram nessa quarta-feira (17) José Maciel de Lima Souza, denunciado pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) por envolvimento no assassinato de um policial militar na cidade de Ceará-Mirim, em fevereiro de 2017. A prisão aconteceu na comunidade do Leningrado, zona Oeste da capital.
José Maciel de Lima Souza foi conduzido pelos guardas municipais à Delegacia Especializada de Capturas (Decap), onde foram realizados os procedimentos do cumprimento do mandado de prisão. Pesava contra José Maciel dois mandados de prisão preventiva, sendo um expedido em agosto de 2017 pela vara Criminal de Ceará-Mirim, tratando da acusação de homicídio qualificado, e o segundo emitido em março do mesmo ano pelo Juizado de Violência Doméstica Contra a Mulher da comarca de Parnamirim. Há 10 meses José Maciel estava foragido da Justiça e era procurado pela polícia.

Em novembro de 2017, o MPRN ofereceu denúncia contra quatro homens apontados como responsáveis pelo assassinato do sargento PM Jackson Sidney Botelho Matos, crime ocorrido em 20 de fevereiro do mesmo ano na cidade de Ceará-Mirim, na Grande Natal. José Maciel Lima de Souza, Marinaldo Dantas de Araújo, José da Silva Oliveira e Felipe Domingos Camilo foram denunciados por homicídio qualificado e corrupção de menor de um adolescente.

Na época, Marinaldo Araújo, José Oliveira e Felipe Domingos já estavam presos. O paradeiro de José Maciel ainda era desconhecido por parte das forças de segurança pública do RN, até sua prisão pela Guarda Municipal de Natal.